CREA-DF
Quarta, 07 Novembro 2018 18:22

Novembro Azul: HRT faz mutirão de cirurgias de câncer de próstata

Escrito por Correio Braziliense
Avalie este item
(0 votos)

No mês do combate ao câncer de próstata, conhecido como Novembro Azul, o Hospital Regional de Taguatinga (HRT) promove um mutirão de cirurgias em pacientes com câncer de próstata e de pênis, hiperplasia prostática e outros diagnósticos relacionados. A mobilização começou na segunda-feira (5/11). O objetivo é zerar a fila do HRT para os procedimentos e beneficiar 38 pacientes.

No Brasil, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. A cada hora, sete casos novos são diagnósticos no país e a doença causa a morte de cerca de 20% deles. No Distrito Federal, a estimativa aponta a ocorrência de 78,14 casos da doença por grupo de 100 mil habitantes até o fiml deste ano.

Segundo a Secretaria de Saúde, a força tarefa realizada no HRT tem o intuito de dar qualidade de vida aos pacientes. Foram escalados urologistas, anestesistas, equipes de enfermagem, residentes, voluntários e outros profissionais, além de reservados espaços no centro cirúrgico para esta finalidade.

Prevenção

Ainda de acordo com o Inca, a idade é um fator de risco importante para o câncer de próstata, uma vez que tanto a incidência como a mortalidade aumentam significativamente após os 50 anos. Dessa forma, o urologista Marcos Valbuena, recomenda que os homens façam exames anualmente a partir dos 50 anos.

“Qualquer homem pode desenvolver câncer de próstata. Porém, os negros e aqueles que têm casos na família, precisam ficar mais atentos a partir dos 45 anos”, disse, ao lembrar que é necessário realizar o exame de toque retal e o PSA.

Meus itens