CREA-DF
Quarta, 11 Abril 2018 19:09

Crea-DF e Assosindicos se reúnem em curso sobre a Importância das Inspeções Prediais e a Responsabilidade Civil dos Seus Gestores

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Aconteceu na última sexta-feira (06/04) na sede do CREA-DF o curso "A Importância das Inspeções Prediais e a Responsabilidade Civil dos Seus Gestores" com a presença de entidades e profissionais de engenharia, arquitetura, direito, síndicos e gestores condominiais.

 

Coordenado pela Assosindicos-DF o curso foi voltado a  Engenheiros, Arquitetos, Administradores, Advogados, Técnicos, Síndicos, Gestores Condominiais, Corretores de Seguro, Corretores de Imóveis, demais interessados no assunto.

A cerimônia de abertura foi marcada pela presença de autoridades e representantes das entidades que apoiam o evento os quais fizeram algumas considerações sobre a importância de manter a saúde das edificações. Diante dos últimos acontecimentos envolvendo obras públicas e particulares, com repercussão nacional, há um consenso quanto se fala da responsabilidade dos profissionais de engenharia, arquitetura e administradores. Faz-se também um alerta para a necessidade de priorizar a manutenção e conservação dos condomínios e a responsabilidade do gestor ou síndico.

Estiveram presentes na solenidade de abertura as seguintes entidades e representantes: Presidente Eron Campos Saraiva de Andrade - IBAPE-DF, Vice Presidente - Dionyzio Antonio Martins Klavdianos - SINDUSCON-DF, Presidente Luiz Afonso Delgado Assad – ASBRACO, Vice-Presidente Ronildo Divino de Menezes - SENGE-DF, Presidente da Comissão de Direito Imobiliário e Urbanístico, Janine Malta Massuda - OAB-DF, 1º Vice Presidente Elson Ribeiro Póvoa – FIBRA, Diretor Regional Francisco Carlos Mendes Lima - IBRACON-DF, Engenheiro Civil Flavio Correia Ex Presidente CREA-DF, Presidente de Honra Emerson Tormann - ASSOSINDICOS-DF.

A presidente do Crea-DF, Fátima Có fez parte da mesa que conduziu os trabalhos e em sua fala ressaltou a importância do curso na qualificação dos profissionais de engenharia e arquitetura, bem como a troca de experiências entre prestadores de serviços técnicos e síndicos. “A Assosindicos DF tem colaborado com ações que apoiam os síndicos e gestores condominiais complementando e esclarecendo a necessidade de fiscalização e o trabalho desenvolvido pelo Conselho profissional. São encontros como este que elevam o conhecimento e contribuem para trazer mais segurança aos síndicos que podem impedir que profissionais não habilitados coloquem em risco a vida de outras pessoas. Esse é o papel social que todos devemos estar imbuídos enquanto profissionais de engenharia”, declara Fátima Có.

A mesa formada para os debates teve a presença de renomados profissionais de engenharia e comandada por Adeildson Duarte que fez o papel de mediador dos debates. Duarte é especialista na área de seguros e fez o contraponto quando havia dúvidas relacionadas ao tema.

O time de especialistas foi composto por Ronaldo Sá de Oliveira, Jerônimo Cabral Pereira Fagundes Neto, Li Chong Lee Bacelar de Castro, Anderson Fernando Rodrigues Machado, Adeildson Duarte, Mário Amorim Galvão Júnior e Flávio de Queiroz Costa. No currículo carregam títulos de doutores, autores de livros que são referência no mercado de engenharia diagnóstica e integrantes das comissões de estudo que atualiza diversas normas técnicas da ABNT incluindo a NBR 13752 - Perícias de Engenharia na Construção Civil.

Segundo o Engenheiro Civil Mário Amorim Galvão Júnior, consultor e especialista em engenharia diagnóstica, o curso tem esse formato de debate justamente para promover a troca de conhecimento entre todos os participantes. “As apresentações técnicas cedem lugar para uma conversa na qual estudantes, profissionais e síndicos podem tirar dúvidas e propor soluções para questões como fissuras em lajes de coberturas, infiltrações e acompanhamento mais eficiente de obras nos condomínios”, comenta Mário Galvão.

O curso, com carga horária de 8h horas, fez um apanhado dos problemas mais comuns nas edificações apontando a origem e propondo correções para as manifestações patológicas. Por fim, os aspectos jurídicos foram apresentados no último módulo, identificando as circunstâncias causadoras das patologias da edificação e apontando os principais responsáveis.

Última modificação em Quinta, 12 Abril 2018 14:38

Meus itens



PRORROGADO!
Você tem ainda todo o mês de junho para regularizar a sua situação. Até 90% de desconto nos juros e multas

SAIBA MAIS
Toggle Bar