CREA-DF
Segunda, 28 Janeiro 2019 16:07

Nota Oficial Crea-DF Destaque

Escrito por
Avalie este item
(1 Votar)

A população brasileira encontra-se estarrecida e temerosa, e nela se inclui a do Distrito Federal, com os constantes acidentes ocorridos recentemente com obras de engenharia pelo país, inclusive no DF. O estado de estupor se agravou com o dramático acidente ocorrido com o rompimento de mais uma barragem de rejeito de mineração, em Brumadinho-MG, o segundo em pouco menos de três anos.

Cabe-nos informar à nossa população, com honestidade, que mesmo que as barragens sejam feitas para não se romperem, não existe risco zero. Em primeiro lugar toda obra de engenharia tem uma vida útil e necessita de manutenções. Isso vale para um prédio, para uma ponte, para uma grande aeronave e também para uma barragem.
 
Pela importância estratégica e urbanística para a cidade, a Barragem do Paranoá merece atenção especial, principalmente por estar sujeita à solicitação intensa de pesado trânsito rodoviário.
 
O Crea-DF tem solicitado, desde o ano passado, à CEB, empresa responsável pela manutenção e segurança daquela barragem, informações sobre plano de manutenção.
 
Uma questão que não pode ser relegada, é o descaso com que a engenharia brasileira sofre dos governos do país. O desenvolvimento de um país é exatamente do tamanho da sua Engenharia.
 
A carreira de engenharia vem sendo dizimada no Serviço Público, foi diluída, “numa tal” carreira de Analistas, um tipo de sopa de legumes, fundo e sobra de geladeira, onde cabe tudo, sem identidade profissional.
 
Os engenheiros têm que ter carreira de Estado. Isso que o Crea-DF tem solicitado e vem lutando em audiências públicas e reuniões com os governantes federais e distritais e assim nos manteremos firmes nessa cobrança até que providências sejam tomadas e a sociedade se sinta segura.
 
O Crea-DF solidariza com as famílias das vítimas de Brumadinho todo o seu compadecimento neste triste momento que infelizmente só cabe ações corretivas. Mas fica o alerta para as demais barragens e outros empreendimentos, as ações devem ser preventivas com a adequada manutenção, numa constante atualização.

Última modificação em Quarta, 30 Janeiro 2019 19:19

Meus itens