CREA-DF
A- A A+ AC
Terça, 18 Abril 2017 15:17

Demarcações em terreno irregular no Lago Sul indicam grilagem, diz PM

Escrito por  G1 DF
Avalie este item
(0 votos)

Um terreno irregular no Lago Sul, em Brasília, foi encontrado pela Polícia Militar na manhã deste domingo (16) com demarcações que, segundo os militares, indicam grilagem – posse ou venda de terras por meio da falsificação de documentos.

O espaço, que fica na QI 23 do Setor de Mansões Dom Bosco, estava parcelado em lotes por cercas e calçadas.

As supostas irregularidades foram encontradas durante um patrulhamento de rotina do Batalhão Ambiental. "Essa é uma área crítica, porque não há nenhum condomínio regular. Há dois anos encontramos parcelamentos por ali", disse o o sargento Nivaldo Barbosa, que coordenou a fiscalização.

No local, os policiais também encontraram dois tratores que estariam sendo usados para fazer a limpeza e assentamento do terreno. Segundo Barbosa, quando a PM chegou, por volta das 11h30, um homem que se apresentou como vigilante fazia a vistoria das obras.

    "Ele disse que aquilo era um condomínio e que existia há dez anos. Mas nós vimos que as escavações eram novas."

O homem foi levado à 6ª DP, no Paranoá, como testemunha e afirmou que o suposto condomínio se chamava "Pousada das andorinhas". De acordo com a PM, ele entrou em contato com o "síndico", que teria firmado o compromisso de se apresentar à polícia.

    "Ele ainda não se apresentou e, pela nossa experiência, ele não vai aparecer mesmo, porque sabe que vai ser preso", disse Barbosa.

De acordo com o sargento, a polícia conseguiu buscar os dados do suposto grileiro a partir de informações cedidas pela testemunha. A Polícia Civil informou ao G1 que, até a publicação desta reportagem, o suspeito não havia comparecido a nenhuma delegacia.

Deixe um comentário